3 Maneiras de Manter o Foco Nos Estudos [Comprovadas Cientificamente]

Em algum nível, estamos estabelecendo metas, grandes e pequenas, o tempo todo.

“Vou sentar e estudar o dia todo hoje, não importa o quê!”. É uma meta (provavelmente uma com a qual todos estamos familiarizados), mas embora a intenção seja ótima, o resultado muitas vezes não é o que planejamos.

Defina Metas

As metas são importantes, mas o tipo de metas que estabelecemos pode ter um impacto enorme na probabilidade de atingi-las ao estudar.

A pesquisa mostra que a definição de metas específicas leva a um melhor desempenho e que a definição aprimorada de metas também pode impulsionar sua memória.

Isso ocorre porque a definição específica e alta de metas não apenas aumenta a motivação e o foco, mas também ajuda a ativar o conhecimento e as habilidades que você tem para realizá-las. Quase como uma visão cognitiva de foco e esforço.

Impressionante, certo? Mas por onde começar se você é novo em mapear seus objetivos?

O método de definição de metas SMART é uma opção muito útil para começar e se refere à definição de metas que são:

  • Específica
  • Mensurável
  • Realizável
  • Relevante
  • Tempo limite

Esse tipo de método de estabelecimento de metas não só provou melhorar o desempenho, mas também nos ajuda a reconhecer e aproveitar mais nosso progresso.

Dica: Mantenha seus objetivos com você em seu bloco de anotações ou celular para que você possa consultá-los e marcar as coisas à medida que avança.

Crie um Ambiente de Estudo Suave

O ambiente em que você está e como você organiza seu estudo pode ter um grande impacto em sua capacidade de se concentrar enquanto aprende e revisa.

Há muita pesquisa por aí quando se trata de ambientes de aprendizagem, mas aqui estão algumas áreas-chave que são mudanças simples, mas que podem fazer uma grande diferença.

Por exemplo, apenas ter uma cadeira confortável que ajuda você a se sentar com uma postura melhor pode ajudar a melhorar o humor, o foco enquanto estuda, e também aumenta a confiança.

Certificar-se de que você está aquecido também é um fator simples, mas importante, quando se olha para o ambiente de estudo.

Sentir frio não é apenas desconfortável, mas também tem provado ser uma distração para sua mente! Rodear-se com mais plantas também tem um efeito calmante que pode ajudar a aumentar a atenção.

Muitos de nós gostamos de ouvir música enquanto estudamos ou trabalhamos, mas se você quiser ter certeza de ouvir a melhor música para o foco, tente evitar a música que contém letras.

As playlists ambientais e instrumentais são o caminho a percorrer.

Além disso, alguns estudos sugerem que estudar com fones de ouvido pode realmente diminuir a retenção de informações, enquanto a reprodução de música pelos alto-falantes em segundo plano é mais benéfica.

Dica: Experimente testar vários locais de estudo diferentes, não apenas para descobrir qual deles funciona melhor para você, mas também porque uma mudança de cenário pode ajudar a estimular o foco e o aprendizado também!

Acabe com as Distrações Tecnológicas

Embora os dispositivos de tecnologia e o acesso à internet sejam, sem dúvida, ferramentas de aprendizado úteis, é importante ser estratégico sobre quando e com que frequência nos cercamos deles.

Nos EUA, as pessoas que usam Smartphone recebem, em média, 45,9 notificações por dia. Isso é um monte de distrações.

E acontece que simplesmente não somos programados para ser multitarefas.

Quando tentamos ser multitarefas (fazer várias coisas ao mesmo tempo), acabamos com uma atenção mais curta e, eventualmente, tudo pode começar a nos distrair.

Em um estudo, apropriadamente chamado de “O Facebook me fez fazer isso”, eles descobriram que os estudantes que estavam cercados por mais tecnologia eram muito mais propensos a perder o foco, especialmente pelas mídias sociais e mensagens de texto.

Além disso, o acesso a mensagens instantâneas não só faz com que as tarefas durem mais tempo, mas também afetam a compreensão da leitura.

Então, é hora de deixar de ser multitarefa ao estudar.

Os estudos sugerem que as melhores maneiras de combater essas distrações tecnológicas são dando-se interrupções tecnológicas, reservando um tempo específico para as mídias sociais.

Dica: As anotações escritas à mão, em vez de digitadas, também mostraram aumentar o foco, a memória e o processamento de informações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *